História Tudor: Torre de Londres II

Esta é a segunda parte sobre a Torre de Londres, na Inglaterra.

Aproveite para ler a primeira parte desta matéria.

  • Traitor’s Gate

Hoje em dia ainda podemos encontrar o local onde várias pessoas, incluindo algumas esposas de Henry VIII, foram trancafiadas antes de serem executadas. Este é o portão onde todos os acusados de traição contra o rei entravam. Edward I o construiu entre 1275 e 1279 como uma simples entrada pela água para as acomodações reais que existiam ali. O arco em cima do portão foi construído apenas em 1532 pelo mestre carpinteiro de Henry VIII para o processo de coroação da então rainha Anne Boleyn. Poucos anos depois, Anne estaria de volta, mas agora como prisioneira

  • Apresentação

Podemos encontrar várias apresentações que ocorrem durante o ano na Torre de Londres, mas umas das mais especiais com certeza é a de Anne Boleyn no dia de sua execução. No vídeo abaixo mostro um pedacinho desta peça, feita em agosto de 2018.

Imagens por Paula Santinati

Nesta parte, a atriz mostra parte do julgamento onde Anne fez seu discurso instantes antes de ser decapitada.

Seu discurso foi:

“For according to the law, and by the law I am judged to die, and therefore I will speak nothing against it. I am come hither to accuse no man, nor to speak anything of that, where of I am accused and condemned to die, but I pray God save the king and send him long to reign over you, for a gentler nor a more merciful prince was there never: and to me he was ever a good, a gentle and sovereign lord.”

“De acordo com a lei, e pela lei sou julgada para morrer, e, portanto, nada farei contra ela. Eu não vim aqui para acusar ninguém, nem para falar nada disso, do qual sou acusada e condenada a morrer, mas rezo para que Deus salve o rei e o envie muito tempo para reinar sobre você, pois um príncipe mais gentil e misericordioso nunca existiu: e para mim ele sempre foi um senhor bom, gentil e soberano.”

  • Tower Green
Imagem por Paula Santinati

Atualmente conhecido como o jardim da torre, este era o local onde ocorria um grande número de decapitações. Apenas os privilegiados eram levados para lá, como rainhas e pessoas com forte apelo popular.

A parte da casa (em branco) em estilo Tudor, é conhecida como Queen’s House ou Casa da Rainha e é famosa por ser o local onde Anne Boleyn passou seus últimos dias antes da execução.

  • Homenagem

Bem na entrada da Torre, podemos ver uma bela escultura que foi feita em homenagem para as pessoas que foram presas e mortas naquele local. Ela mostra o nome e o ano em que foram mortas.

Imagem por Paula Santinati

2 comentários Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s