A história de Petra

Petra é uma cidade pré-histórica, muitas vezes chamada de Cidade Rosa. Este sítio arqueológico esculpido nas falésias de arenito vermelho é localizado no deserto da Jordânia que durante o  século 4 aC, foi um próspero centro comercial da civilização nabateia.

Atualmente o local conta com 102 quilômetros quadrados, mas isso significa apenas 15% do total, já que 85% do lugar ainda está enterrado no subsolo.

A história de Petra
Siq
Imagem do Google

Hoje é possível percorrer o mesmo caminho que os comerciantes faziam desde a criação de Petra. O percurso chamado de Siq (o Poço em português) é um desfiladeiro longo e cheio de curvas com vários ornamentos.

Inclusive, muitos filmes foram gravados neste local, como Aladin e Indiana Jones e a Última Cruzada.

Uma das partes mais famosas de lá é o Al Khazneh (o Tesouro em português), uma parte da enorme rocha de arenito vermelho que foi esculpida em quase 39 metros de altura em uma mistura de estilos helenístico e grego. Segundo arqueólogos, este local já foi uma tumba de algum rei ou rainha Nabateu mas ainda são necessárias mais pesquisas para que se descubra isso.

A história de Petra
Al Khazneh
Imagem do Google

O Al Khazneh ficou conhecido como tesouro pelos povos beduínos (nômades que vivem nos desertos do Oriente Médio e do norte da África). Eles se convenceram de que a urna que foi encontrada no segundo andar mantinha uma espécie de tesouro de um faraó egípcio e o nome pegou.

Quem criou Petra?

A tribo nômade beduína chamada Nabateus atravessou o deserto da Arábia entre os séculos 2 e 4 aC e construíram sua capital, Raqmu (atual Petra). Esta capital demonstrava riqueza e poder graças à sua localização estratégica, o que dava grande controle sobre as redes comerciais do mundo antigo.

Como aquele local era frequentado por diversas nações, o povo de lá foi apresentado para várias culturas diferentes, influenciando na religião e cultura do povo Nabateus.

Como aquele povo caiu na miséria ainda não são claras, mas suas terras foram divididas entre diferentes reinos árabes. Porém, após o século 8 EC o local foi completamente abandonado e foi só no ano de 1812 quando um explorador passou pelas redondezas e acabou encontrando as ruínas da antiga cidade.

Depois disso, muitos exploradores quiseram ir para estudar a arquitetura e desenhar as estruturas de lá, um grande passo para que a cidade ficasse famosa em todo o mundo.

3 comentários Adicione o seu

  1. É interessante como alguns lugares nos vem em sonho, não conhecia Petra. Mas sonhei com algo muito parecido com este. Linda cidade! Magnífica!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Blog PS disse:

      Que sonho incrível!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s