Pisa, a cidade italiana que vai além da Torre

Apesar de muitos acharem que a única atração da cidade italiana de Pisa seja a Torre de Pisa, o local contém 12 monumentos históricos. Esta cidade é o destino ideal para uma quem pretende fazer uma viagem repleta de descobertas, conhecer maravilhas artísticas e culturais e também relaxar.

A cidade universitária onde nasceu Galileu Galilei (físico e astrônomo) oferece diversas opções de atrações turísticas que te mostram a parte contemporânea da cidade e também levam para a Era Medieval, contando a história da cidade ao longo do tempo.

Pisa, a cidade italiana que vai além da Torre
Foto do Google

Além do complexo arquitetônico da Praça do Duomo, onde fica situada a Torre de Pisa, você também pode aproveitar para conhecer outras partes da cidade.

No centro da cidade você pode aproveitar para fazer compras, já que as ruas são repletas de marcas famosas de diversos setores, como Sephora, Nara Camicie e muito mais.

Antigamente Pisa era uma cidade importante para as rotas comerciais do Mediterrâneo mas atualmente é um respeitável centro industrial que também reúne três universidades de prestígio.

A praça onde a Torre fica localizada foi construída com o objetivo de representar a riqueza e poder de Pisa. Sua construção foi iniciada no século XI mas com o tempo muitos obstáculos foram aparecendo e a obra era cessada, atrasando sua finalização até o século XIX.

Com essa demora, a arquitetura da catedral da praça, conhecida como Duomo, acabou sendo influenciada por diversas culturas, como a clássica, bizantina, islâmica e muitas outras. Em 1595 ela sofreu um incêndio e durante a restauração, ela ganhou portas de bronze.

Já o cemitério da cidade, o Camposanto, feito em estilo gótico e romano. Sua lenda diz que ele foi construído em terreno sagrado, vindo da Terra Santa onde Jesus foi crucificado. Em seu interior muitas figuras importantes da história da Itália estão enterradas.

Mais pontos turísticos:

Murale Tuttomondo di Keith Haring: O mural tem 180 metros quadrados, sendo um dos maiores pintados em toda a Europa. Ele foi feito na parede da igreja San Antonio, e demonstra a paz entre seres humanos de todo o mundo.

Rio Arno: Um rio de 241km que atravessa Toscana, Florença e Pisa até desaguar no mar Tirreno.

Orto e Museo Botanico di Pisa: Jardim botânico operado pela Universidade de Pisa. 

Marina di Pisa: Balneário com águas calmas e protegidas por barreiras de pedra

Giardino Scotto e Fortezza di Pisa: Fortaleza construída em 1440 com grande área verde onde podem casamentos podem ser celebrados.

Chiesa Santa Marina della spina: Pequena igreja no estilo gótico pisano inaugurada em 1323.

Basilica romanica di San Piero a Grado: Igreja no estilo românico e, segundo a lenda, São Pedro desembarcou na Itália de Antioquia em 44 dC.

Museo Nazionale di Palazzo Reale: Antigo palácio Mediceano (da família Medici) construído em 1583, que se transformou em Museu Nacional em 1989, com inúmeras obras de arte.

Il Pineto Parco Avventura: Parque de diversão com atividades de recreação.

Palazzo Blu Borgo Stretto:  centro de exposições e atividades culturais 

2 comentários Adicione o seu

  1. Conheço muito bem a cidade! Artigo muito interessante!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s